Ele começou no meio empresarial, crescendo aos poucos, mas de maneira determinada. Hoje, seus empreendimentos são cobiçados pelo mercado

Quando uma eleição é muito disputada entre com candidatos com perfis semelhantes — por exemplo, são apontados como gestores eficientes e criativos —, aquele que vence apresentou uma informação extra que agradou o eleitorado.

Recentemente, numa reunião entre um grupo de empresários, políticos e jornalistas, presenciada por uma editora do Jornal Opção, os dois nomes mais comentados da disputa pela Prefeitura de Goiânia foram o senador Vanderlan Cardoso, do PSD, e o ex-prefeito de Aparecida de Goiânia Maguito Vilela, do MDB.

As pessoas comentaram que ambos administraram cidades na Grande Goiânia — Senador Canedo (Vanderlan Cardoso) e Aparecida (Maguito Vilela) — e saíram consagrados tanto como gestores quanto como políticos.

Vanderlan Cardoso: candidato a prefeito de Goiânia pelo PSD | Fernando Leite/Jornal Opção

Vanderlan Cardoso encontrou Senador Canedo como se fosse um bairro “distante” e “abandonado” de Goiânia. Ao deixar a administração pública, o município havia ganhado identidade — se tornara, enfim, uma verdadeira cidade. Tanto que o parque industrial do município é um dos mais avançados de Goiás e centenas de pessoas que moravam em Goiânia se mudaram para Senador Canedo — que hoje conta com condomínios horizontais Jardins e Alphaville, entre outros. Há até quem brinque: a cidade se tornou, por assim dizer, “Senador Cardoso”.

Pode-se dizer que Maguito Vilela modernizou Aparecida, tornando-a uma cidade industrial e moderna (seu sucessor, Gustavo Mendanha, está dando sequência à modernização).

As similitudes, portanto, estão expostas. Mas, segundo os participantes da reunião, Vanderlan Cardoso tem um diferencial — que, numa eleição intensamente disputada, tende a ser o “beicinho de pulga” que pode defini-la. O senador do PSD é empresário.

Vanderlan Cardoso não venceu na política e, daí, migrou para o mundo empresarial, como às vezes ocorre. Pelo contrário, ele começou no meio empresarial, crescendo aos poucos, mas de maneira determinada. Hoje, seus empreendimentos são cobiçados pelo mercado, que já lhe fez várias propostas de aquisição. Há, então, em Vanderlan Cardoso aquele gestor da iniciativa privada e o gestor que também tem experiência pública.

Os eleitores têm particular apreço por políticos que se tornaram bem-sucedidos fora da política e que estão na política para servir à sociedade, e não para se servir das estruturas públicas.

Há outro diferencial pró-Vanderlan Cardoso: o apoio do governador de Goiás, Ronaldo Caiado, do partido Democratas. O gestor estadual é bem avaliado e Maguito Vilela lutou — sem conseguir — para obter o seu apoio. Quer dizer, o líder do DEM tem força política na capital e tende a transferir voto.