O empresário George Hajjar morreu no sábado, 28, no Hospital Vila Nova Star, aos 78 anos, em São Paulo. Ele era de Anápolis.

Hajjar tinha câncer no pulmão. Era dono do Geolab (indústria farmacêutica) e do Armazém Goiás (atacadista).

O velório será realizado a partir das 8 horas deste domingo, 29, na Igreja Ortodoxa de Anápolis.

Apesar da idade, George Hajjar era ativo nos negócios e na vida social de Anápolis. Era apontado como o mais importante empresário do município. Deixa três filhos — André, Miguel e George Filho — e a viúva, Margarida Hajjar.

George Hajjar era primo de Samir Hajjar, pai da médica Ludhmila Hajjar.