Marcos Cabral faz parceria para reforçar transparência na Codego

Gestor solicitou a cessão de servidor da CGE pra criar ouvidoria e corregedoria na Codego e tratou no TCE da formação de servidores pra ampliar o sistema de compliance

O Conselho de Administração da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás (Codego) aprovou na tarde de quinta-feira o gestor público Marcos Cabral para presidente.

Cabral substitui Pedro Sales, novo presidente da Goinfra.

Conselho que deu posse a Marcos Cabral na presidência da Codego | Foto: Divulgação

O primeiro ato de Cabral foi visitar a Controladoria-Geral (CGE) e o Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Em ambos, o tema foi a transparência.

Ao subcontrolador-geral do Estado, Marcos Tadeu de Andrade, seu xará solicitou a cessão de servidor da CGE para criar ouvidoria e corregedoria na Codego.

Com o tribunal, Cabral tratou da formação de servidores da companhia para ampliar o sistema de compliance.

“O TCE e a CGE desenvolvem atividades essenciais e serão igualmente vitais para as ações da Codego”, agradece Marcos Cabral.

Na mesma reunião do conselho foram votados documentos produzidos no período de Pedro Sales, como o Código de Ética, cuja implantação caberá a Marcos Cabral.

Na noite de quinta-feira, Cabral discutiu com especialistas acerca do quadro de pessoal, contabilidade e patrimônio da empresa.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.