Marcelo Baiocchi vai adotar critérios técnicos e democráticos no comando da Fecomércio

Se eleito, na disputa de maio, o empresário pretende implantar uma gestão tanto aberta quanto competente

Foto: Reprodução e Fernando Leite/ Jornal Opção

Favorito para presidir a Federação do Comércio do Estado de Goiás (Fecomércio) — a montagem das chapas começa em março e a eleição será no dia 21 de maio —, o empresário Marcelo Baiocchi adota uma articulação tanto moderna quanto democrática.

Marcelo Baiocchi vai adotar critérios mais técnicos do que políticos na montagem de sua chapa. O tesoureiro, por exemplo, deve ser o presidente de um sindicato que tenha ampla experiência em lidar com recursos financeiros.

O primeiro vice-presidente será do interior. Os cinco presidentes de sindicatos do interior vão se reunir e definir o nome.

José Carlos Palma tem abordado presidentes de sindicatos que apoiam Marcelo Baiocchi.

Sem resultados positivos. Palma afirma que é bancado pelo presidente da Fecomércio, José Evaristo dos Santos, e garante que não saiu do páreo.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.