Major Vitor Hugo formará chapa pura para disputa ao governo do Estado

A forma como o pré-candidato reorganizou o comando o PL em Goiás indica quais os nomes que vão compor sua chapa

A tomada da direção do PL goiano pelo deputado federal Major Vitor Hugo é a demonstração de que ele planeja uma candidatura totalmente alinhada com a ideologia bolsonarista. O pré-candidato não demonstra nenhum desejo de compor na formação de sua chapa, e a forma como ele reorganizou o comando do PL em Goiás, indica que ele já tem todos os nomes fechados para entrar na disputa majoritária. 

Como o Jornal Opção já havia adiantado, a esposa do senador Vanderlan Cardoso (PSD), a ex-primeira-dama de Senador Canedo, Izaura Cardoso, se filiou ao PL e conforme a pré-candidatura caminha ela se consolida como candidata a vice-governadora na chapa do de Major Vítor Hugo, que deve disputar Palácio das Esmeraldas nas eleições de outubro. Ao assumir o diretório estadual do PL, o deputado bolsonarista indicou o pré-candidato ao Senado, Wilder Morais para ser o vice-presidente da sigla. A 2ª vice-presidência fica com Izaura.

Esse movimento é a demonstração de que Major Vitor Hugo só quer ao seu lado no PL, aqueles que estarão com ele na campanha. Existe um temor de sua parte de que outros nomes que estejam no partido, mas não tão ligado ao seu projeto eleitoral, possam atrapalhar.

Vitor Hugo – que recebeu carta-branca do presidente nacional do PL, Valdermar Costa Neto – dá sinais de vai abrir mão de compor com outras siglas, e assim aumentar o espectro eleitoral, para ter consigo na campanha apenas aqueles que ele confia. 

A definição de Wilder Morais como o nome a concorrer ao Senado já é certa. Ele foi convidado pelo próprio presidente Jair Bolsonaro para entrar na disputa. Há uma relação entre o empresário a ala bolsonarista, o que lhe credencia para compor a chapa.

O nome de Izaura ainda não foi confirmado, mas tudo indica que será ela a vice de Major Vitor Hugo. Ela se encaixa no perfil que Vitor Hugo busca desde que seu nome começou a ser ventilado como possível candidato ao governo: mulher, evangélica e com boa relação com a classe empresarial/agropecuária. O que mais pesa neste momento a seu favor é que o senador Vanderlan Cardoso (PSD) tem se consolidado um grande apoiador do projeto, inclusive participando de reuniões junto ao presidente Jair Bolsonaro para tomada de decisões em relação à campanha em Goiás. O senador, apesar de estar em um partido que deve caminhar com o governador Ronaldo Caiado (UB), tem sua base muito forte, inclusive no interior, que conta muito para campanha do Major Vitor Hugo.

Esses dois pontos devem garantir a vaga de vice de Major Vitor Hugo para Izaura Cardoso, e consequentemente uma chapa puro-sangue para representar o projeto bolsonarista em Goiás. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.