Lincoln Tejota não vai se filiar ao PP e vai continuar na base de Ronaldo Caiado

Priscila Tejota possivelmente não será vice de Elias Vaz. Mas pode ser vice de Samuel Belchior ou de Wilder Morais

O vice-governador de Goiás, Lincoln Tejota — praticamente expurgado do Pros —, flertou, até intensamente, com o PP do ex-ministro Alexandre Baldy. Mas o flerte acabou. O ex-deputado não irá se filiar ao PP. Desistiu de vez.

Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

O governador de Goiás, Ronaldo Ronaldo (DEM), e Alexandre Baldy se desentenderam, recentemente. Comenta-se, inclusive, que o gestor estadual teria jogado contra uma possível ida de Alexandre Baldy para o Ministério das Cidades. Não há evidências precisas, mas há quem diga que o líder do Democratas teria acionado o senador Jorge Kajuru para criticar o secretário de Transportes do governo de João Doria, em São Paulo. (Frise-se que Kajuru tem o hábito de fazer suas próprias críticas e não aceita orientações de terceiros.)

O certo é que o tiroteio “derrubou” a ida de Lincoln Tejota para o PP. Agora, o vice decidiu que vai continuar na base do governador Ronaldo Caiado e, portanto, deverá se filiar a um partido que apoia o gestor estadual.

Priscilla Tejota, vereadora: a vice dos sonhos de vários pré-candidatos (PSD) | Facebook

Chegou-se a comentar que a vereadora Priscila Tejota seria vice do deputado federal Elias Vaz na disputa pela Prefeitura de Goiânia. Priscila Tejota compartilha um escritório político com Jorge Kajuru e Elias Vaz, em Goiânia, e o relacionamento do trio é tido como excelente. Mas, dada a relativa racionalidade da política, dificilmente Priscila Tejota será vice de Elias Vaz. Há quem aposte que pode ser vice tanto de Samuel Belchior (ou Iris Rezende) — se este for candidato a prefeito de Goiânia pelo MDB (ou pelo DEM) — quanto de Wilder Morais (Pros). A ressalva é que Lincoln Tejota e Priscila Tejota não têm apreço algum pelo presidente nacional do Pros, Eurípedes Júnior. Mas mantém relacionamento estreito com Wilder Morais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.