Kajuru banca Cid Gomes para presidente do Senado e é cotado para vice

O senador eleito por Goiás afirma que a banda ética já reúne 38 senadores e caminha para derrotar Renan Calheiros

Fotos: reprodução

Senador eleito por Goiás, o jornalista e vereador Jorge Kajuru e sua equipe — são oito pessoas — e alugaram uma casa em Brasília, repartindo as despesas. “Não aceito o auxílio-moradia, nenhum centavo. Não quero e não vou receber mordomias. Só vou receber 50% do meu salário, o restante será doado para instituições filantrópicas comprovadamente sérias de várias cidades de Goiás. Aliás, de cara, tais instituições vão receber 33 mil reais, do auxílio-moradia. Vou doar 100% deste auxílio, já em fevereiro, para instituições goianas que atendem pessoas carentes.”

Em Brasília, Kajuru está participando de reuniões com um grupo de senadores que rejeita a política do fisiologismo. “Começamos com pouco mais de 20 e agora já somos 38 senadores. Com mais três votos, nós conseguiremos eleger o presidente do Senado. As chances de Renan Calheiros (MDB) estão caindo. O presidente eleito Jair Bolsonaro apoia nosso grupo, porque queremos um Senado decente e que não tente transformar o presidente em refém de articulações pouco católicas. Na próxima quarta-feira, vamos fazer a última reunião do ano, na casa de Cid Gomes. Podemos chegar, brevemente, a 42 senadores.” Do grupo participam, entre outros, Kajuru, Kátia Abreu, Romário, Álvaro Dias, Randolfe Rodrigues e José Antônio Reguffe. “Sou um dos três líderes do movimento.” Os líderes são Cid Gomes, Randolfe e Kajuru.

Kajuru afirma que “Cid Gomes tem uma excelente cabeça e não é radical. Só está radicalizado, com razão, com os petistas. Discorda de Kátia Abreu porque a senadora quer atrair os seis senadores do PT para o nosso grupo, mas ele não quer, pois avalia que não são confiáveis. Concordo com o senador do Ceará”. Cid Gomes é o candidato a presidente do Senado apoiado pelo grupo e Kajuru tem sido mencionado para vice-presidente. “80% dos senadores concordam que devo ser vice. Mas cedo a vice para Randolfe, porque estou chegando agora e ele foi reeleito. Prefiro ficar na presidência de uma comissão, como a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), a Comissão de Orçamento ou a de Ciência e Tecnologia.” O grupo insiste que Kajuru seja o vice.

A respeito da fusão do PRP com o Patriota, Kajuru afirma que é contra. “Quero fusão com o Podemos e o PSB.”

12 respostas para “Kajuru banca Cid Gomes para presidente do Senado e é cotado para vice”

  1. ziro disse:

    Kajuru !!! A maioria da população brasileira não aguenta mais essa gente da esquerda maxista, suas ideologias de apropriação do cidadão e do gigantismo do Estado. Chega de tanta mordomia, supersalários de políticos e do alto escalão do funcionalismo ….. que não estão nem aí com o país.

    • Dinho disse:

      Mas o que Cid tem a ver com esquerda marxista? KKK
      NO senado as pessoas têm que dialogar.

    • Leandro disse:

      tu não passa de mais um babaquinha de whatsapp que vem na net falar em nome da “maioria”. Cala boca e vai estudar, seu retardado.
      Brasil nunca foi governado pela esquerda. Nunca. Todas essas mazelas que aí estão são culpa de governos de direita e centro, que sempre governaram o país.
      Quer saber como é governo de esquerda? Pesquise sobre portugal, países nórdicos em geral. Lá sim, tem governos de esquerda. Olhe se os políticos de lá tem 10% das regalias dos nossos.

    • Igor disse:

      Cara, sinto muito, mas você nem fala coisa com coisa. Pra começo de conversa o PDT não é marxista, e, na verdade, no Brasil quase partido nenhum é, nem mesmo na esquerda. Talvez tenhamos algumas alas do PcdoB e o PSTU, além de uma pequeninissíma minoria do PT e só. depois que “marxismo” e “supersalários” é quase uma contradição. Se você dar uma olhada em quem votou contra o aumento dos Juízes no senado e quem votou a favor vai ver que normalmente é a direita quem defende esses super salários. Também basta olhar pro fato de que Bolsonaro não vai abrir mão de sua aposentadoria, mesmo recebendo o salário de presidente, ou daquele vídeo onde ele aparece dizendo que deputado não tinha mordomia e que ele não abria mão de nada. Até concordo que uma pequena parcela da direita tem se mostrado contra os super salários do funcionalismo público(talvez só o NOVO), mas se essa é sua pauta, realmente acho que você deveria ter votado no PSOL.

    • Wellington Tobias disse:

      Quem é fã de super salário é o bozo, que nunca abriu mão do Auxilio moradia pra “comer gente”!

  2. Vicente disse:

    Chega de fisiologismo! O Senado precisa respirar novos ares, estar mais próximo dos anseios da população. Apoio esse movimento de renovação que compreende grandes nomes. Cid, por exemplo, reúne a experiência do executivo e do legislativo, além de ter um perfil com boa capacidade de equilíbrio e resiliencia. Um grande nome para presidir o Senado!

  3. Eduardo Marques Monteiro Neto disse:

    Então este grupo é de apoio ao Bolsonaro? De antemão o que acham dos ministros indicados?

  4. Paulo Machado disse:

    Kajuru é a unica voz que não é politica. Doa parte do salário q recebe da câmara municipal, agora como senador fará mesmo. Será exemplo, para essa corja de políticos q estão no congresso nacional e também para o capitão reformado que já disse nesses 28 anos como q não abre mão de nada. FORÇA KAJURU.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.