Juceg vai retirar imóvel do Centro de Referência do Festival Internacional de Cinema Ambiental (Fica)

O escritório do Fica patrocina uma série de atividades culturais e ambientes e guarda a história do festival

Rafael Lousa 23

Rodrigo Santana, da Cidade de Goiás, postou no Facebook que o Centro de Referência do Festival Internacional de Cinema Ambiental (Fica) “está prestes a ser fechado”. A Junta Comercial do Estado de Goiás (Juceg) pretende retomar o imóvel.

“O espaço funciona como escritório local de produção do festival, é a sede do Fica na Comunidade, projeto que tem apoiado inúmeras atividades culturais e ambientais, atua na formação de cineastas e de público para o cinema ambiental, valoriza os artistas e atua na geração de emprego e renda para a comunidade”, sustenta Santana.

O CRF, sublinha Santana, “guarda uma parte da história do” Fica.

O presidente da Juceg, Rafael Lousa [foto acima], é um executivo de sensibilidade e, acreditam produtores culturais, deve recuar em sua decisão de tirar a sede do Fica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.