José Nelto diz que Iris Rezende pode colocar ouro em Goiânia mas não será reeleito

“O povo não quer mais Iris na prefeitura, mas seus apaniguados, com receio de perder cargos, ficam incentivando-o a disputar mais um pleito”

O deputado federal José Nelto afirma que o Podemos, do qual é líder na Câmara dos Deputados, não participa do governo de Ronaldo Caiado (DEM). “Assim como o PSL do Delegado Waldir Soares e o PDT da deputada Flávia Morais. Mas a vida continua.”

José Nelto, deputado federal: “O prefeito Iris Rezende é um fenômeno do passado” | Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

José Nelto frisa que não está preocupado com cargos. “No momento, estou discutindo a Reforma da Previdência e à possibilidade do retorno da CPMF. O imposto do cheque todo mundo paga — o que simplificaria os impostos.”

A respeito de sua candidatura a prefeito de Goiânia, José Nelto afirma que está conversando com vários grupos políticos. “Goiânia é uma capital, mas não é administrada como tal. Precisamos de um prefeito moderno e atento às novas necessidades da cidade. Será que o município só precisa de viadutos e asfalto? Claro que não. Precisa, por exemplo, de uma saúde de qualidade. Há pessoas morrendo — o que é inadmissível — por falta de atendimento médico qualificado e rápido. O que é mais importante: manter as pessoas vivas ou construir viadutos? As prioridades, na gestão de Iris Rezende, estão invertidas.”

José Nelto aposta que o Estado de Goiás “terá uma renovação muito grande nas prefeituras. A campanha contra a reeleição de prefeitos e vereadores será muito grande, e em todo o país. Porque a insatisfação continua e é generalizada”.

Iris Rezende: o prefeito teria abandonado Goiânia e não cuida da saúde | Foto: Livia Barbosa/Jornal Opção

O deputado afirma que um político lhe disse que o prefeito Iris Rezende será candidato à reeleição. “Se for candidato, Iris vai repetir a trajetória de Marconi Perillo em 2018 e certamente será o quarto ou quinto colocado. Ele deveria respeitar sua história e terminar a carreira política como Pelé concluiu sua carreira futebolística. Se insistir, Iris vai terminar sua passagem pela política como um perna de pau. Ele não percebe, mas se disputar, vai destruir seu legado histórico. O povo não quer mais Iris na prefeitura, mas seus apaniguados, com receio de perder cargos, ficam incentivando-o a disputar mais um pleito. Digo e repito que Iris pode colocar ouro em Goiânia mas não será reeleito. Sua imagem está cristalizada como a de um prefeito que abandonou a cidade e que, nos dois últimos anos, começa a tentar trabalhar. É uma jogada antiga e que não dará mais certo. Iris é um fenômeno do passado e assim será tratado pelos eleitores em 2020.”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.