Jarbas Rodrigues Jr. se torna uma espécie de médium do jornalismo goiano

O editor da coluna Giro atribui informação a uma fonte anônima e deixa de cumprir seu papel de repórter

jarbas rodrigues

O jornalista Jarbas Rodrigues Jr., editor da coluna “Giro”, de “O Popular’, aderiu ao jornalismo espírita do “Diário da Manhã”. Na nota “Base no divã”, o médium — opa!, o repórter — escreve: “De um deputado da base governista na Assembleia: ‘Existe uma mudança em curso no comportamento do governador Marconi que ainda não conseguimos compreender direito’”.

Se o deputado não assumiu o que supostamente disse, o jornalista decidiu dar um chute atribuindo-o a outra pessoa. Ou então está começando a se tornar uma espécie de médium do jornalismo goiano.

Se há uma mudança, o jornalista deveria ter opinado, explicando-a. Isto, sim, seria jornalismo, e não mediunidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.