Iris Rezende em seu escritório político | Foto: Fernando Leite
Iris Rezende em seu escritório político | Foto: Fernando Leite

Depois de uma série de reuniões, no seu escritório, o pré-candidato a prefeito do PMDB em Goiânia, Iris Rezende, começa a delinear sua política em relação ao PT e ao prefeito de Goiânia, Paulo Garcia (PT). Num primeiro momento, antes da definição de sua candidatura, não vai bater duramente no petista-chefe. Ele prefere pôr dois de seus prepostos mais agressivos para criticá-lo. Devido ao fato de ser vice-prefeito, Agenor Mariano vai fustigar o ex-parceiro em conversas com políticos, empresários e em entrevistas. O vereador Clécio Alves é o encarregado das críticas na Câmara Municipal de Goiânia e nos bairros. Outros atacantes deverão ser testados.