Iris Rezende rejeita Bruno Peixoto como vice. Porque não confia no deputado

Se a chapa for pura, o preferido do peemedebista-chefe é Agenor Mariano

bruno peixoto-e-iris-rezende

Na disputa pela Prefeitura de Goiânia, uma coisa é certa: Iris Rezende (PMDB) não quer — porque não confia — o deputado estadual Bruno Peixoto (PMDB) como vice. De maneira alguma, nem que o deputado estadual se apresente coberto de ouro 18.

O preferido para vice continua sendo Agenor Mariano, que Iris Rezende percebe como “leal” e “corajoso”. O vice-prefeito de Goiânia mostrou tutano ao criticar o prefeito Paulo Garcia publicamente.

Bruno Peixoto não tem a mesma coragem, porque, na opinião do irismo ortodoxo, põe seus interesses pessoais e familiares acima da lealdade ao principal líder do PMDB.

Há, porém, a possibilidade de a vice ser destinada ao DEM do senador Ronaldo Caiado ou ao Solidariedade do ex-deputado Armando Vergílio e do deputado federal Lucas Vergílio (este, o nome preferido de Iris Araújo, por motivos óbvios: é a primeira suplente da coligação PMDB-Solidariedade).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.