[Antônio Gomide: o candidato do PT está sendo cristianizado por aliados que, no fundo, são adversários internos]

O PT nacional pode ser convocado para resolver um problema do PT goiano: alguns líderes do partido, como o deputado Luis Cesar Bueno e o prefeito de Goiânia, Paulo Garcia, praticamente deixaram a campanha do candidato da legenda a governador de Goiás, Antônio Gomide, e mudaram de mala e cuia para a campanha de Iris Rezende, candidato a governador pelo PMDB.

Luis Cesar e Paulo Garcia, ao menos nos bastidores, dizem que estão apoiando Iris Rezende única e exclusivamente para tentar garantir o segundo turno. Eles avaliam, como adeptos da realpolitik, que a campanha de Antônio Gomide “rodou”. Daí terem cristianizado o correligionário. Se entrevistados, garantem que continuam apoiando o candidato petista. Só que o apoio à campanha de Iris, inclusive com a frequência aos seus comitês eleitorais, é muito maior.