Eduardo “Suíço” Cunha não gostou de declarações de Daniel Vilela ao Jornal Opção

Depois de participar de encontro para desagravar o presidente da Câmara dos Deputados, o parlamentar goiano quer o expurgo de Eduardo Cunha

Daniel Vilela-cunha-fotos-naiara-pontes-fabio-pozzebom-ABr

Daniel Vilela (esq) e presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo “Suíço” Cunha, do PMDB, leu e detestou as declarações do deputado federal Daniel Vilela ao Jornal Opção (o material repercutiu muito em Brasília e cópias do texto circularam na oposição e na situação). O parlamentar goiano sugeriu que Cunha deve deixar o comando do Legislativo.

Correligionários fieis sugerem que Eduardo Cunha, ao saber das declarações, teria dito: “Quanta ingratidão!” Seus aliados sustentam que o “troco” virá no devido tempo.

A vingança, para a turma do Suíço, é um prato que se come frio, quase gelado. Resta saber se, depois da tempestade que só está começando, Eduardo Cunha terá força para detonar desafetos.

Petistas avaliaram que as declarações de Daniel Vilela sinalizam que o PMDB, no momento apropriado, percebendo o cheiro de “morte” política, tende a abandonar Eduardo Cunha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.