Bolsonaro diz que influencia eleição pra ter relacionamento positivo com a Câmara dos Deputados

O presidente disse, em reunião com o PSL, que pretender manter relações cordiais com o Legislativo. Ele quer enfraquecer a oposição

Um deputado federal disse ao Jornal Opção: “Resta ao Baleia voltar para o mar, porque Lira vai ‘tocar’ a Câmara dos Deputados”. O parlamentar sugere que Rodrigo Maia, apesar de toda sua experiência com articulações, cantou vitória antes da hora. O presidente Jair Bolsonaro, com o poder da máquina e por ter atraído o centrão para o seu lado, “vai influir, de maneira decisiva, na vitória de Arthur Lira sobre Baleia Rossi”, sustenta o deputado.

Arthur Lira e Jair Bolsonaro: o primeiro puxa o segundo para o centro político | Foto: Reprodução

Na quarta-feira, 27, num encontro com deputados do PSL, da facção aliada, Bolsonaro deixou claro que pretende “participar e influir” para eleger Arthur Lira, na segunda-feira, 1º (“pretende” nem a palavra precisa, porque o presidente já está em campo, jogando pesado). Ele frisou que espera ter um relacionamento “positivo e pacífico” com a Câmara dos Deputados.

“Acabei de fazer uma reunião com trinta parlamentares do PSL e vamos, se Deus quiser, participar e influir na presidência da Câmara com esses parlamentares, de modo que possamos ter um relacionamento pacífico e positivo para o nosso Brasil”, disse Bolsonaro. Ele estava ao lado da deputada Carla Zambelli (SP), em frente ao Palácio da Alvorada.

O partido Democratas na Bahia trocou Baleia Rossi por Arthur Lira. O candidato apoiado Rodrigo Maia está sendo esvaziado. Do ponto de vista de Bolsonaro, não se trata tão-somente de evitar o impeachment, e sim de derrotar uma força da oposição, capitaneada por Rodrigo Maia. É jogo para 2021, mas com desdobramento para 2022.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.