15 principais apostas do PP na eleição para prefeito de cidades de Goiás em 2016

pag1

 

 

1 — Abelardo Vaz, de Inhumas — Apesar de sua relutância, é apontado como favorito. Até uma barbada.
2 — Alcir Elias, de Santa Helena — Como Judson Lourenço não deve disputar a reeleição, o pepista tem alguma chance.
3 — Bruno Lampião, de São Luís de Montes Belos — Com o apoio do senador Wilder Morais e dos Tatico, é um nome consistente.
4 — Caio Lima, de Caiapônia — A cúpula o lista como um de seus favoritos para a disputa.
5 — Eurípedes Pankão, de Acreúna — O ex-prefeito volta com força total, segundo seus aliados.
6 — Evandro Magal, de Caldas Novas — O prefeito terá um rival duro, Alison Maia, mas é visto como o mais profissional dos políticos do município.
7 — Everaldo do Detran, de Novo Gama — O prefeito enfrenta um páreo duro, a tucana Sônia Chaves.
8 — Issy Quinan, de Vianópolis — É tido como hors concours. Ninguém quer enfrentá-lo, tal o favoritismo.
9 — Professora Eumi, Santa Isabel — O PP a percebe como nome consistente .
10 — Roberto Silva, de Itaberaí — O prefeito, que lidera uma frente ampla, é apontado como imbatível.
11 — Rogério Graxa, de Chapadão do Céu — Os pepistas apostam que o prefeito será reeleito.
12 — Silvio Benedito, de Aparecida de Goiânia — Enfrenta duas pedreiras, Alcides Ribeiro, do PSDB, e Gustavo Mendanha, do PMDB.
13 — Wilson Júnior, de Gameleira — Os dirigentes do PP o colocam como candidato qualificado e popular.
14 — Zélia Camelo, de Itapirapuã — É outra das grandes apostas do PP.
15 — Ziro Morais, de Taquaral de Goiás — Irmão do senador Wilder Morais, o prefeito é mencionado como um dos pules de dez do PP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.