Ao participar de reunião do Grupo Técnico de Desenvolvimento Regional na transição do governo Lula, a presidente do PT em Goiás, Kátia Maria, defendeu atenção diferenciada do governo federal para o Centro-Oeste. O encontro ocorreu nesta quarta-feira, 30, em Brasília.

“Vamos fortalecer o Centro-Oeste,” enfatizou a petista. Ela destacou que o governo do presidente Jair Bolsonaro (PL) cortou 107 milhões do orçamento para o Centro-Oeste. Além disso, foram retirados recursos da Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco), que estaria funcionando basicamente com emendas parlamentares.

Kátia defende que Luiz Inácio Lula da Silva (PT) faça uma gestão integrada, com planejamento e desenvolvimento territorial aliados ao pacto federativo. Isso, com uma articulação com estados e municípios, e as leis orçamentárias que garantam recursos em obras e programas para o Centro-Oeste.

Equipe

Dentre as lideranças, participaram da reunião o senador eleito Camilo Santana (PT), ex-governador do Ceará, o senador Randolfe Rodrigues (REDE-AP), a deputada federal Marília Arraes (SDD-PE) e Esther Bemerguy, ex-secretária de planejamento e investimentos estratégicos do governo federal.