Zé Carapô diz concordar com vetos parciais do Governo em matéria do Programa Emancipar   

Deputado afirma que ação preserva essência da matéria de sua autoria, retirando trechos inconstitucionais

Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

O deputado estadual Zé Carapô (DC) afirmou nesta terça-feira, 17, que os vetos do Governo à matéria que estabelece a Política Estadual do Programa Emancipar, de sua autoria, não afetará o projeto. O parlamentar diz que após analisar os vetos, entendeu-os como compreensíveis, já que estavam em desacordo com a constituição.  

“De forma muito tranquila eu fiquei curioso para saber o que tinha sido vetado, é fato, e quando eu fiz a análise das justificativas eu concordei com o veto parcial do governo e em pontos especifico; foi um veto técnico, alegando inconstitucionalidade”, explicou Carapô.

Entre os artigos vetados pela governadoria estava o direcionamento da secretaria a gerir o Programa, o que foi tido como inconstitucional já que essa decisão é de competência do Executivo estadual.

Apesar disso, o deputado reforça não ver problemas de vetos como os executados e diz que espera começar a trabalhar em cima do programa. “A primeira fase foi aprovada nessa Casa e o segundo desafio nosso é que ele rode dentro do Governo”, acrescentou o parlamentar.

Programa Emancipar

O programa estabelece serie de ações em apoio assistido aos agricultores familiares, incluindo toda cadeia produtiva por meio da concessão de linhas de crédito de produção, do acompanhamento familiar, da comercialização e do controle social, com a finalidade de promover a independência financeira de produtores rurais.

“Esse projeto vem para fortalecer a agricultura familiar, que é responsável por 1/3 do PIB do agronegócio”, comemorou Carapô, que é  presidente da Comissão de Agricultura, Pecuária e Cooperativismo da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego). 

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.