Vilmar Rocha diz que PSD não decidiu em qual aliança estará em 2018

Após tecer elogios ao governador Marconi Perillo, secretário voltou a dizer que conversa com a oposição

Logo após cobrir o governador Marconi Perillo (PSDB) de elogios durante evento nesta semana, o secretário e presidente do PSD em Goiás, Vilmar Rocha, voltou a afirmar à imprensa que ainda não decidiu em qual aliança estará nas eleições do ano que vem.

Embora o governismo já tenha um pré-candidato, o vice-governador Zé Eliton (PSDB), o titular da Secretaria Estadual de Meio Ambiente, Recursos Hídricos, Infraestrutura, Cidades e Assuntos Metropolitanos (Secima), afirmou que conversa com todos os partidos — inclusive os da oposição.

“Não estou na base, ajudei a construí-la, é bem diferente. Eu era deputado, iniciei apoiando em 1998 esse projeto e vou até o fim. O que estamos discutindo é qual aliança vai governar o Estado a partir de 2019. Qual será a nova coligação que apresentaremos à sociedade. É isso que está em discussão. Temos orgulho de ser base, estou feliz com o trabalho, com o que avançamos. Mas o que estamos falando é da nova aliança de 2018”, rebateu.

Neste sentido, Vilmar Rocha diz que não pode recursar “diálogo” com nenhum partido. “Como nós ainda não decidimos em qual aliança estaremos em 2018, temos que conversar com todos”, completou.

Questionado se aceitaria discutir as eleições do ano que vem com o senador Ronaldo Caiado (DEM), principal nome da oposição e adversário de Marconi, o presidente do PSD respondeu: “Converso com todos, já disse. No momento oportuno, converso com todos.”

 

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Luciano Almeida

Esse Vilmar não se emenda. “Fala muito”. Pouco faz.