Vereadores derrubam dois vetos da gestão Iris

Um dos projetos que haviam sido vetados institui o Programa Incentivo à Cidadania Ambiental, com a criação do Banco do Lixo

Divulgação/Câmara de Goiânia

Em sessão extraordinária na tarde desta segunda-feira (4/12), a Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) da Câmara de Goiânia derrubou dois vetos da gestão do prefeito Iris Rezende (PMDB).

O primeiro foi ao autógrafo de lei oriundo de projeto de lei de iniciativa do vereador Jorge Kajuru (PRP). A matéria visa instituir o Programa Incentivo à Cidadania Ambiental, com a criação do Banco do Lixo. O Executivo vetou a matéria sob a justificativa de desarmonia de poderes, além de criação de despesas.

O segundo veto derrubado diz respeito à matéria que tem o objetivo de instalar bicicletas ergométricas geradoras de energia em praças do município de Goiânia, com o Programa Pedalando e Gerando Energia Limpa, de autoria da vereadora Sabrina Garcez.

O projeto havia sido vetado com os argumentos de invasão da competência da iniciativa das leis e da criação de despesas ao erário público.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.