Vereadores assinam moção de repúdio contra ataque de Bolsonaro a jornalista da Folha 

Documento assinado por 25 parlamentares será encaminhada à Presidência da República

Presidente Jair Bolsonaro no Palácio da Alvorada

A vereadora Dra. Cristina apresentou nesta quarta-feira, 19, na Câmara Municipal de Goiânia, moção de protesto e repúdio às ofensas proferidas pelo presidente Jair Bolsonaro à jornalista Patrícia Campos Mello na última terça-feira, 18, no Palácio da Alvorada. O documento foi assinado por 25 vereadores e será encaminhada à Presidência da República.

Com insinuação de caráter sexual, o presidente questionou o trabalho da repórter a respeito do disparo de mensagens durante a campanha eleitoral.

Segundo a Dra. Cristina, é inconcebível que ofensas violentas, de caráter sexista e machista, que reforçam e incentivam um comportamento social que sacrifica diariamente a vida de mulheres em todo o país, sejam proferidas pelo presidente.

“A fala dirigida à repórter não somente ataca de maneira individual, mas todas as mulheres brasileiras, que inevitavelmente lutam para viver em uma sociedade livre de violência contra a sua honra, liberdade e corpo”, destaca a parlamentar.

O vereador Paulo Magalhães também usou a tribuna para repudiar o insulto com conotação sexual feito pelo presidente da República contra a jornalista. “Insultou todos os brasileiros!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.