“Vai contra o discurso “Mais Brasil e menos Brasília”, diz presidente da FGM sobre extinção de municípios

Haroldo Naves que a proposta do governo federal contraria o discurso de Bolsonaro que prega “Mais Brasil e menos Brasília”

Haroldo Naves, prefeito de Campos Verdes e presidente da FGM / Foto: Divulgação

O prefeito de Campos Verdes e presidente da Federação Goiana de Municípios (FGM), Haroldo Naves, chamou de equivocada e infeliz a proposta do governo federal de extinguir municípios goianos que tenham arrecadação pequena e menos de 5 mil habitantes.

Naves diz que a proposta vem num momento de discussão do futuro dos municípios e atrapalha até o processo eleitoral que se aproxima.

O prefeito e presidente da FGM argumenta que os 1252 municípios que seriam afetados pela proposta federal recebem apenas 0,7% de transferência da União, o que, segundo ele, é irrisório. naves também alega que extinguir municípios vai gerar zero economia, uma vez que não mudará o bolo tributário que continuará a ir para outros municípios não afetados pela proposta.

Haroldo Naves afirma que, no macro, a política econômica do governo Bolsonaro é boa, mas que intenção de extinguir municípios acaba atrapalhando estas que se mostram vantajosas. “Vai contra o discurso do presidente de “Mais Brasil e menos Brasília””, disse.

Já quanto ao processo eleitoral que se aproxima, Naves comentou que a proposta de extinção de municípios faz com que alguns nomes fiquem receosos de que seus municípios sejam integrados a outros maiores ao final de 2024, impedindo-os de se lançarem na disputa eleitoral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.