Sul da Bahia tem 4,2 mil desabrigados por chuvas

Até o momento, pelo menos 17 pessoas morreram por causa do mau tempo e outras 286 pessoas estão feridas

Os números de desabrigados e desalojados na Região Sul da Bahia por causa das chuvas que começaram na última quinta-feira, 23, e que continuou até o último sábado, 20, e chegou a quase 4,2 mil desabrigados e 11,2 mil desalojados. O número de mortos já chegou a 17 pessoas. Feridos contabilizados até o momento são 286 pessoas.  

De acordo com informações da Defesa Civil do estado e as prefeituras das cidades, a população atingida chega perto de 380 mil pessoas, que representam 66 municípios, como Ilhéus, Porto Seguro, Prado e Vitória da Conquista. 

Ainda há alerta de mais chuvas para a Região. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a região sul da Bahia continua com status de Perigo e Perigo Potencial para chuvas intensas. Nas áreas mais graves, existe a possibilidade de chuvas entre 30 e 60 milímetros por hora e ventos entre 60 e 100 quilômetros por hora. 

Municípios estão em alerta 

Os municípios baianos de Itambé e Vitória da Conquista estão em alerta após o rompimento de uma barragem no último sábado, 25, no distrito de Iguá. De acordo com a prefeitura de Vitória da Conquista, onde o distrito está localizado, os moradores foram sido avisados sobre o risco iminente e não houve feridos nem foram constatados maiores prejuízos nas localidades próximas.  

O monitoramento do volume de água está sendo feito, principalmente na BR-116, na altura do Vale dos Quatis. As autoridades esperam que não seja necessário interditar a estrada. Participam da força-tarefa, a Defesa Civil e os técnicos da prefeitura, além da Polícia Rodoviária Federal e de equipes da Via Bahia.  

Na manhã de sábado (25), a barragem de Iguá recebeu um grande volume de água do rompimento da barragem dos Quatis, localizada no distrito do Pradoso. A enxurrada acabou levando a ponte que liga o povoado do Tesoureiro à Vitória da Conquista. A prefeitura usou máquinas para tentar escoar a água e cerca de 100 famílias que residem em Iguá chegaram a ficar ilhadas. 

Com o rompimento de mais uma barragem, a prefeitura de Itambé também intensificou os alertas à população. Os rios que passam pelo município devem receber todo o volume de água da barragem de Iguá. O Rio Verruga já transbordou e famílias estão desabrigadas no município.  

O governador do estado, Rui Costa, determinou a instalação de uma base de apoio em Ilhéus e, neste domingo, 26, deve sobrevoar as áreas mais atingidas na região. O governo federal também está envolvido nas ações de socorro, por meio da Secretaria Nacional de Defesa Civil e outros órgãos, e vai enviar combustível, aeronaves e agentes para apoiar a operação.  

O ministro da Cidadania, João Roma, está no estado e se reunirá com autoridades locais. “Comecei a agenda deste domingo em Nazaré das Farinhas, acompanhando os estragos das fortes chuvas que têm atingido a nossa Bahia e afligido o nosso povo. Esse é um momento em que nós devemos dar as mãos e trabalhar em benefício da população que está precisando do nosso apoio”, escreveu, em publicação no Twitter. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.