Serra diz que intenção era “elogiar” Kátia Abreu

Ministra jogou taça de vinho na cara do senador após este chamá-la de “namoradeira”. Tucano explicou episódio à Folha

Após à grande repercussão do (constrangedor) episódio no qual levou um “banho” de vinho da ministra Kátia Abreu (PMDB-TO), o senador José Serra (PSDB-SP) se explicou à Folha de S. Paulo.

Em brevíssima entrevista concedida na tarde desta quinta-feira (10/12), o tucano garante que tudo não passou de um mal-entendido e que chamá-la de “namoradeira” foi um elogio. “Foi uma brincadeira com intenção de elogio. Me desculpei. Sempre tive respeito pela Kátia”, declarou ele à Folha.

No entanto, a ministra não gostou nada da “brincadeira” e não entendeu o adjetivo como positivo. “Reagi a altura de uma mulher que preza sua honra. Todas as mulheres conhecem bem o eufemismo da expressão ‘namoradeira’”, escreveu ela mais cedo no Twitter.

O caso ocorreu na noite da última quarta (9), durante confraternização de Natal. Segundo relatos, o senador Ronaldo Caiado (DEM-GO), que é médico, contava uma história sobre quando aplicou uma injeção em Kátia Abreu. De repente, Serra chegou e teria dito: “Kátia, dizem por aí que você é muito namoradeira”.

A ministra, que é casada, se sentiu ofendida e tacou-lhe a taça de vinho na cara. “Você é um homem deselegante, descortês, arrogante, prepotente. É por isso que você nunca chegará à Presidência da República”, bradou a peemedebista.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Denis Robson

com trouxa não se brinca!!!