Sem dar sinais de prorrogação, INSS mantém suspensão da exigência da prova de vida até 31 de outubro

Aposentados, pensionistas e demais beneficiários que não fizeram comprovação de vida há mais de um ano terão benefícios suspensos, caso não realizem procedimento

Foto: Reprodução.

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) decidiu que, até 31 de outubro, não vai suspender o benefício de segurados que não realizaram a prova de vida em meio à pandemia do novo coronavírus.

No entanto, a autarquia federal ainda não sinalizou qualquer intenção de prorrogar decisão. Dessa forma, os segurados precisarão ir às agências para realizar o procedimento comprobatório.

De acordo com o INSS, aposentados, pensionistas e demais beneficiários que não fizeram comprovação de vida há mais de um ano terão os benefícios suspensos, caso não realizem procedimento. Após seis meses, o pagamento é cessado pela autarquia.

É possível realizar o agendamento pelo aplicativo Meu INSS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.