Revigorada, nova TBC já incomoda emissoras tradicionais

Nova gestão tem apostado em telejornais mais interativos e boletins noticiosos de hora em hora

Prefeito Iris após entrevista à nova TBC | Foto: divulgação

TV pública histórica de Goiás, a TBC entrou em 2018 disposta a incomodar as afiliadas de emissoras gigantes no Estado, como a TV Anhanguera (Globo). Desde que o jornalista João Bosco Bittencourt assumiu a direção da Agência Brasil Central (ABC), responsável por gerir as novas TBC e RBC (rádio), no início de fevereiro, o jornalismo ganhou relevância na programação.

Os telejornais passaram a ser mais interativos e com pautas voltadas para as demandas sociedade. A nova TBC agora também exibe boletins noticiosos de hora em hora na programação, com informações de todas as regiões do Estado. A novidade fez com que a TV Anhanguera copiasse o modelo. A emissora afiliada da TV Globo agora também escala seus apresentadores para dar notícias ao longo do dia.

A nova TBC também passou a investir nas transmissões ao vivo. Mostrou, sem cortes, a abertura dos trabalhos da Assembleia Legislativa. A sessão ficou marcada pelo confronto entre o deputado estadual José Nelto (MDB) e o governador Marconi Perillo (PSDB); até agora o fato político do ano.

Outra novidade é a abertura total a todos agentes políticos; inclusive os de oposição. O prefeito Iris Rezende (MDB) foi entrevistado, ao vivo, no principal jornal da TBC e também conheceu a nova estrutura da emissora. Iris elogiou os investimentos em tecnologia. Hoje, a TBC tem sinal de alta definição para mais de 20 municípios goianos.

Mudanças

A descontração, a participação e a interatividade serão as marcas do relacionamento entre o time de jornalistas das novas TBC e RBC com a audiência, diz João Bosco. Apresentação em pé, fim das bancadas e cenários estáticos, intensa participação dos telespectadores, ouvintes e internautas – durante e na definição da pauta da programação – darão o tom do novo jornalismo.

A apresentação da notícia terá o suporte de inovações tecnológicas, como cenários virtuais, além de mais transmissões ao vivo. O jornalismo comunitário também ganhará vez e voz. “Vamos aproximar a TBC e a RBC da sociedade”, anuncia João Bosco.

A nova TBC também migrou para as redes sociais. Reportagens, chamadas e boletins são postados no Facebook e Instagram da emissora. Tudo para dar mais agilidade e interatividade na informação.

Deixe um comentário