“Relação com Bolsonaro não está estremecida”, garante Luciano Bivar

Após as eleições, deputado federal eleito por Pernambuco foi reconduzido ao cargo de presidente nacional do PSL

Jair Bolsonaro e Luciano Bivar | Foto: Reprodução

Em recente entrevista à Rádio Jornal, de Pernambuco, Luciano Bivar (PSL) disse que sua relação com o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) é de “formalidade”. “Não sou amigo do Bolsonaro. Bolsonaro me respeita, mas não sou amigo dele. São duas coisas diferentes. A gente tem um relacionamento de formalidade.”

Procurado pelo Jornal Opção, Luciano Bivar garantiu que não há qualquer problema com o capitão reformado do Exército. “Minha relação com Bolsonaro não está estremecida e em nenhum momento esteve”, frisou. “Pelo contrário, há um alinhamento de ideias muito forte.”

Em janeiro, Jair Bolsonaro e Luciano Bivar anunciaram a filiação do então pré-candidato a presidente ao PSL. O parlamentar pernambucano, que comandava o partido, deu lugar ao advogado Gustavo Bebianno, responsável por tocar a campanha presidencial durante o processo eleitoral e atualmente cotado para ser ministro da Justiça.

Após o resultado nas urnas, Luciano Bivar foi reconduzido ao cargo de presidente nacional do PSL. Segundo ele, este era um acordo que já havia sido feito anteriormente. “Cabe a Bebianno os méritos pela eleição de Bolsonaro”, destaca.

Desempenho do PSL

Em 2018, o PSL elegeu a segunda maior bancada da Câmara dos Deputados. O partido saltou de um deputado eleito quatro anos atrás para 52 parlamentares a partir da próxima legislatura.

Para Luciano Bivar, que descarta interesse em assumir algum ministério, este desempenho torna o PSL naturalmente um líder em Brasília. “O partido, agora, é muito grande. Terei um trabalho de muita responsabilidade para gerar um sentimento de unicidade e pôr em prática as políticas liberais que propomos”, sublinha.

Esta foi a segunda vez que o PSL concorreu à Presidência. Em 2006, o próprio Luciano Bivar foi candidato, mas obteve apenas 62.064 votos, correspondente a 0,06% dos votos válidos.

Cirurgia

O presidente nacional do PSL passará por uma cirurgia na coluna nesta quarta-feira (31/10). De acordo com Luciano Bivar, o procedimento não é complicado e ele deve estar recuperado em até cinco dias.

 

 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.