Reforma da Previdência estadual representará uma economia de R$ 400 milhões em 2020

“Impacto da reforma será no longo prazo. No curto prazo, ela diminuiu o crescimento do déficit”, detalhou a secretária da Economia, Cristiane Schmidt

Foto: Rodrigo Hirose/Jornal Opção

A reforma da previdência representará uma economia de R$ 400 milhões em 2020. A previsão é da secretária de Economia, Cristiane Schmidt. “O impacto da reforma será no longo prazo. No curto prazo, ela diminuiu o crescimento do déficit”, afirmou há pouco, no evento do governo para apresentar a reforma da previdência do servidor público estadual.

Conforme os dados apresentados pela secretária, o déficit previdenciário, que atualmente é de R$ 2,6 bilhões, representa 70% de todo gasto com custeio em saúde (R$ 1,9 bilhão), educação (R$ 1,8 bilhão) e Segurança Pública (R$ 647 milhões). Somada à folha de pagamento, o Estado compromete 87% da receita líquida do tesouro, disse a secretária. “Com precatórios e pagamento da dívida, chega-se a 99% da receita líquida”, afirmou. “Desse jeito, o governador acaba se tornando um diretor de recursos humanos: paga a folha e não tem como fazer políticas públicas”, afirmou.

O governo de Goiás apresentará daqui a pouco o projeto de reforma da Previdência que enviará à Assembleia Legislativa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.