Reajuste da água em Goiás será de 16,07%

AGR havia aprovado aumento de 32,13%, porém o governador Marconi Perillo pediu que Saneago e a agência revissem o índice

O governador Marconi Perillo (PSDB) pediu que o Saneamento de Goiás S.A. (Saneago) e a Agência Goiana de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos (AGR) revissem o aumento na tarifa de água no Estado.

A princípio, a AGR havia aprovado um aumento de 32,13%, porém o governador orientou que seja aplicado apenas o índice de 16,07% referente à revisão tarifária.

O reajuste aprovado inicialmente correspondia à tarifa máxima que poderia ser aplicada pela Saneago. A decisão pela aplicação do índice indicado pelo governador seria uma forma de não sacrificar a renda da população goiana.

Em nota divulgada na tarde desta sexta-feira (29/5), a AGR informou que com essa medida o governador pretende “minimizar o peso para a população deste reajuste de tarifas públicas”. O aumento na tarifa de água começa a valer a partir do dia 1º de julho.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.