Randolfe, líder da oposição a Bolsonaro, recebe de Macron a maior honraria concedida na França

A comenda Légion d’honneur é uma das condecorações mais famosas do mundo

Randolfe durante as sessões da CPI da Covid. Foto: Pedro França / Agência Senado / Divulgação

O presidente francês, Emmannuel Macron, entregará no dia 6 de dezembro ao senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), a mais alta distinção da França e uma das condecorações mais famosas do mundo​, a comenda Légion d’honneur. Rodrigues é um dos líderes de maior oposição ao presidente Jair Bolsonaro e vice-presidente da CPI da Covid.

Segundo o governo francês, a honraria é devido ao comprometimento de Rodrigues com o combate à Covid-19 no Brasil e por sua “defesa fervorosa” do meio ambiente e do Acordo de Paris. A cerimônia acontecerá na embaixada francesa em Brasília.

O anúncio da condecoração acontece na mesma semana em que Macron recebeu o ex-presidente Lula com honrarias de chefe de governo. Jair Bolsonaro viu essas atitudes do líder francês como uma provocação.

“O Macron sempre foi contra a gente, e ele sempre bateu na gente na questão da Amazônia. Como se ele tivesse preservado alguma, ele e seus antecessores, tivessem preservado alguma coisa na França. Parece uma provocação, sim”, disse o presidente do Brasil à rádio Sociedade da Bahia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.