Quase 50 mil itens são recolhidos por Cata-treco

Dentre os materiais recolhidos, o sofá continua liderando com média de 1.219 unidades

A Comurg recolhendo os materiais descartados. Foto: divulgação

A Prefeitura de Goiânia, por meio da Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg), divulgou o balanço de 2021 do serviço Cata-treco, exclusivo e gratuito que faz o descarte de materiais que não são mais utilizados dentro de casa, como fogão, sofá, televisão ou colchão, por exemplo.

O objetivo do Cata-treco é evitar que estes materiais sejam descartados de forma indevida em vias públicas, lotes baldios, praças e margens de córregos, gerando inúmeros transtornos como poluição do ambiente e proliferação do mosquito Aedes aegypti.

No balanço deste ano, de janeiro a junho deste ano, milhares de ordens de serviços foram atendidas e quase 23 mil bens domésticos inservíveis (BDI) foram recolhidos. Considerando a média mensal de quase 4 mil, até o fechamento do balanço do segundo semestre de 2021, esse dado deve chegar a quase 50 mil unidades, mostrando a eficácia e o crescimento do serviço que foi implementado em 2011.

Dentre os materiais recolhidos, o sofá continua liderando com média de 1.219 unidades. As camas e cadeiras se mantêm na média de 550 unidades. Na lista dos mais atendidos encontram-se os guarda-roupas, armários e televisores. Outros itens como gavetas, computadores, máquinas de lavar e impressoras completam a listagem.

Para agendar o serviço, o cidadão deve ligar no número (62) 3524-8555, pelo WhatsApp 98596-8555 ou ainda pelo Aplicativo Prefeitura 24 horas. Todo material recolhido é repassado às cooperativas de reciclagem cadastradas na Prefeitura de Goiânia, beneficiando diversas famílias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.