Foram expedidos 53 mandados sendo que oito para prisão preventiva, dez de temporária e 35 de busca e apreensão

A Polícia Federal começou operação na manhã desta segunda-feira (29/9) para desarticular uma quadrilha que teria desviado cerca de R$ 2 milhões pela internet. Os suspeitos são de Goiás, Distrito Federal e São Paulo e teriam conseguido os dados através de páginas falsas da internet.

Foram expedidos 53 mandados, sendo que oito para prisão preventiva, dez de temporária e 35 de busca e apreensão. De acordo com a PF, os suspeitos encaminhavam e-mails oferecendo descontos para Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) e Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU). Ao acessar o link, as vítimas ficavam vulneráveis, o que permitia que os golpistas acessassem os dados das contas.

A quadrilha estaria utilizando o dinheiro para viagens, festas compra de armas e drogas.