PSOL inicia prévias partidárias em Goiânia com dois pré-candidatos ao governo estadual

Legenda tem dois educadores concorrendo internamente para disputar o Palácio das Esmeraldas. Votações começam hoje e estão previstas mais três plenárias para este mês

O PSOL começou a deliberar sobre os pré-candidatos que vão concorrer às chapas majoritárias e proporcionais nas próximas eleições desde as 10h da manhã deste sábado (10/5), durante a primeira prévia partidária do partido, no auditório do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Urbanas no Estado de Goiás (STIUEG), no Setor Oeste, em Goiânia.

Ao governo estadual estão concorrendo dois docentes: o doutor pela Universidade Federal de Goiás (UFG) Cláudio Lopes Maia e o professor de pedagogia da rede municipal e particular de Valparaíso, Weslei de Paulo Garcia.

Presidente estadual da sigla e pré-candidato a deputado estadual, Reinaldo Pantaleão afirmou em entrevista ao Jornal Opção Online que as perspectivas para a primeira plenária são as melhores. “Queremos com essas prévias fazer um bom debate e fortalecer a democracia interna do partido”, relatou. Após as discussões, haverá a votação em urnas.

Também professor, ele contabilizou que o PSOL tem 32 pré-candidatos a Assembleia Legislativa. Ao Senado, são dois: o advogado trabalhista Nabson Santana Cunha e o médico João Adriano Coelho, que foi candidato a prefeito da cidade de Posse em 2012. Em fevereiro, o Psol nacional lançou em São Paulo o senador Randolfe Rodrigues (AP) e a ex-deputada federal Luciana Genro (RS) como pré-candidatos à presidência da República e vice, respectivamente.

Questionado sobre as alianças para o pleito, Pantaleão citou o PSTU e o Polo Comunista Luiz Carlos Prestes (PCLCP) como possibilidades.

Estão previstos mais três eventos em Valparaíso de Goiás (18), Flores de Goiás (25) e Goiânia (31); os locais ainda não foram confirmados.

1
Deixe um comentário

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Pedro

Claudio Maia vai ser muito bom na disputa contra o Marconi e Freboi. E o Nabson também cumpri um importante papel nesse senário onde os senadores de Goiás não fazem nada