Professora Helga é a primeira mulher pré-candidata ao Governo de Estado em Goiás

Helga Martins é candidata da sigla PCB; Lançamento será realizada hoje durante evento virtual

O primeiro nome feminino confirmado, até o momento, para concorrer ao Governo de Goiás é o da Professora Helga Martins. Candidata pelo PCB, o lançamento da participação da docente nas eleições de 2022 será realizada hoje, 10, em evento virtual nos canais do PCB-GO e do Poder Popular, às 19 horas. Até então, os nomes que estão postos para a disputa pelo comando do Palácio das Esmeraldas são o do atual governador, Ronaldo Caiado (União Brasil); do Prefeito de Aparecida de Goiânia Gustavo Mendanha (sem partido), do deputado federal Vitor Hugo (União Brasil) e do ex-reitor da Pontifícia Universidade Católica de Goiás Wolmir Therezio Amado (PT).

Helga Martins é professora do curso de Direito na Universidade Federal de Jataí (UFJ). A escolha pelo nome dela ocorreu após debate e consulta às células do partido em Goiás. Helga também integra os comitês Regional e Central do PCB, bem como a Coordenação Estadual do Coletivo Feminista Classista Ana Montenegro e a Corrente Sindical Unidade Classista. A professora ainda está envolvida em projeto de assessoria jurídica para mulheres em situação de vulnerabilidade social. A candidatura oficial dela ao governo está prevista para ocorrer no dia 26, em evento presencial na sede da legenda em Goiânia. No dia, também será comemorado o centenário do PCB, fundado em 1922.

Esta é a quinta vez que o PCB lança pré-candidatura ao Governo do Estado de Goiás. No ano de 1986, a sigla teve como candidato o radialista Paulo Vilar. Depois de 24 anos, em 2010 e 2014, foi a Professora Marta Jane. Já em 2018, o nome foi do Professor Marcelo Lira. Para o partido, o lançamento da Professora Helga para o governo do Estado expressa o compromisso com o combate a atual crise capitalista, a centralização de riquezas e a retirada de direito dos trabalhadores, além do apoio a luta dos movimentos sociais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.