Prestes a se mudar, casal gay é surpreendido com panfletos homofóbicos de vizinhos

Moradores da rua onde eles constroem sua casa fizeram folheto dizendo que os dois iam influenciar toda a vizinhança. Em solidariedade, curitibanos já organizaram protesto

Um casal de homossexuais de Curitiba foi surpreendido por uma atitude discriminatória da sua vizinhança antes mesmo de se mudarem a casa que estão construindo na capital paranaense. Vizinhos dos dois jovens resolveram fazer um panfleto “alertando” os demais moradores sobre os “perigos” a que eles serão expostos quando eles se mudarem para lá.

No papel, um texto diz que a rua será mais “alegre”, com irônicas aspas, e que em “todos os dias nos passeios matinais ou dos finais das tardes, terá a visão para inspirar e influenciar toda a vizinhança. Você, seus filhos, seus netos e amigos”, prenunciam.

Além do texto discriminando os dois, o autor do panfleto, apócrifo, encontrou uma foto do casal, acrescentou no folheto e questionou: “E se fazem isso em público, imaginem o que fazem quando estão a sós ou com os amigos mais próximos ou com as pessoas próximas de você”. “Gostou das boas notícias!?”, questionam.

O final do texto ainda inclui o local da casa dos dois, com os dizeres “O endereço da baixaria”. Pelo Facebook, um dos dois, João Pedro Schornarth, postou uma foto do panfleto afirmando que nunca havia pensado passar por isso. “Para quem acha que não existe homofobia, muito prazer”, lamentou ele.

Depois que a denúncia foi feita, várias pessoas demonstraram solidariedade ao casal e organizaram um ato no próximo sábado (15/4) para ir até a rua onde os dois moram e protestar. “Não vamos tolerar a homofobia. Ela fere, destrói, mata todos os dias. Mexeu com umx, mexeu com todxs!”, diz a descrição do evento no Facebook.

Confira o post:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.