Prefeito e ministro da Saúde assinam ordens de serviço para a construção do Hospital Municipal de Aparecida de Goiânia

O Hospital Municipal terá o dobro de leitos que o Hospital de Urgências de Aparecida (Huapa). “Será referência no Estado e também irá desafogar as unidades menores”, destaca o prefeito

O prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela (PMDB), assina nesta terça-feira (16/9), junto com o ministro da Saúde, Arthur Chioro, a ordem de serviço para a construção do Hospital Municipal e mais 14 Unidades Básicas de Saúde (UBSs). “O Hospital Municipal será referência no Estado e também irá desafogar as unidades menores. Mais de 90% dos aparecidenses dependem do SUS e não podem ficar sem uma saúde pública de qualidade. O hospital vem para sanar essa demanda”, destaca o prefeito.

O investimento do Ministério da Saúde para a construção do hospital será de R$ 66,8 milhões. Os recursos serão revertidos em 220 leitos, distribuídos em enfermarias para adultos divididas por sexo e infantil, sendo, três leitos ao máximo por enfermaria, todas com acomodações para acompanhantes. A unidade terá área total de 17 mil metros quadrados e será construído no Bairro Cidade Vera Cruz 1, próximo ao Anel Viário.

O Hospital Municipal terá o dobro de leitos que o Hospital de Urgências de Aparecida (Huapa). “Entendemos que os dois hospitais poderão ajudar a suprir a necessidade da população de Aparecida e também colaborar com os moradores da Região Metropolitana de Goiânia, por meio de pactuação entre as secretarias municipais”, explicou o secretário de Saúde de Aparecida, Paulo Rassi.

Serão 90 leitos clínicos, 60 cirúrgicos, 20 pediátricos, 30 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), 10 de recuperação anestésica e outros 10 de reanimação e observação. O Hospital Municipal também contará com área de pronto-atendimento; atendimento de urgência; área de apoio terapêutico; ambulatório, apoio diagnóstico, raio-x, eletrocardiografia, ultrassonografia, endoscopia, tomografia computadorizada, laboratório, apoio técnico e administrativo, apoio logístico, farmácia, serviço de nutrição e dietética, lactário, internação geral (adulta e pediátrica), e centro cirúrgico.

No mesmo ato em que será assinado a ordem para a construção do hospital, o ministro e o prefeito também oficializarão a construção de mais 14 UBSs em Aparecida e inaugurarão as UBSs dos setores Cândido de Queiroz, Jardim Riviera e Setor Andrade Reis. O prefeito destaca que com a inauguração dessas três unidades, a administração completa a inauguração de 10 UBSs. Mais cinco UBSs estão em construção e devem ser inauguradas nos próximos meses.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.