Preço do gás de cozinha varia de R$ 85 a R$ 100 em Goiânia, aponta Procon

Em janeiro deste ano, o Procon Goiânia verificou que o gás de cozinha era vendido a partir de R$ 82,50 e agora o produto pode ser encontrado por até R$ 100, alcançando uma variação de 18,18%

Pesquisa do Procon Goiânia encontrou o preço de R$ 100 para o botijão de 13kg em revendedoras que ficam no Jardim Guanabara e setores Pedro Ludovico e Novo Planalto. Já no Jardim América, o gás de cozinha chegou a R$ 110, incluindo a taxa de entrega. Na portaria, o produto custa R$ 95. O levantamento foi feito entre os dias 14 a 21 de junho em 24 estabelecimentos nas diversas regiões da cidade.

Enquanto no Jardim Bela Vista e Conjunto Fabiana o valor do produto pode ser encontrado a R$ 85, nos setores Santa Genoveva, Central e Leste Universitário o botijão custa entre R$ 89 a R$ 89,90.

O Procon Goiânia orienta os consumidores a ficarem atentos. “Ao realizar pesquisa de preço, o consumidor precisa se atentar a todas as informações sobre a distribuidora e se notar algum problema, como preços muito diferentes do habitual, é preciso denunciar no Procon Goiânia”, reforça o presidente do órgão, Gustavo Cruvinel.

Além de comprar somente de revendedores autorizados pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o consumidor deve verificar se o botijão encontra-se em boas condições, com lacre, rótulo de segurança com instruções de uso, nome da empresa fornecedora em alto relevo, assim como mês e ano de fabricação legíveis. Não se deve aceitar botijões amassados, danificados ou enferrujados.

Em janeiro deste ano, o Procon Goiânia verificou que o gás de cozinha era vendido a partir de R$ 82,50 e agora o produto pode ser encontrado por até R$ 100, alcançando uma variação de 18,18%.

A pesquisa também analisou os preços do cilindro de gás de 45 kg utilizado em condomínios, bares, restaurantes e panificadoras. O menor preço encontrado foi de R$ 315 e o maior R$ 380.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.