“Precisamos mudar comportamento para um trânsito seguro”, diz presidente do Detran

Manoel Xavier Filho comemora sucesso da campanha “Maio Amarelo” e insiste em ações para reduzir acidentes 

Ação do Maio Amarelo | Foto: divulgação

Maio se tornou símbolo de educação no trânsito em todo o mundo e Goiás se inseriu definitivamente no roll de estados que realizaram extensa programação no mês de conscientização para prevenção de acidentes de trânsito. Essa é a avaliação do presidente do Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran-GO), Manoel Xavier Ferreira Filho, que faz balanço positivo do Movimento Maio Amarelo no Estado.

Inicialmente instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU), o Maio Amarelo concretizou importantes parcerias firmadas em Goiás. Foram mais de 200 parceiros, entre CFCs, despachantes, igrejas, prefeituras, órgãos públicos, entidades de classe e empresas que contribuíram para multiplicar a mensagem de compartilhamento seguro e respeito mútuo nas vias.

“É uma campanha de educação. É difícil mensurar imediatamente quais são os resultados alcançados. O que podemos enxergar é que a cada ano mais parceiros têm abraçado essa causa, da segurança no trânsito. Tivemos uma receptividade muito positiva das instituições, das empresas, da sociedade no intuito de ajudar para que possamos ter um trânsito mais seguro, possibilitando segurança para quem conduz quanto para pedestres e ciclistas”, ressalta o presidente do Detran-GO.

Instituições parceiras do Detran-GO na mobilização do movimento em Goiás, como o Sebrae e Ministério Público de Goiás, mantiveram, de forma inédita, suas fachadas iluminadas pela cor amarela em alusão neste mês. O objetivo foi, por meio de uma ação coordenada entre o Poder Público e a sociedade civil, colocar em pauta o tema segurança viária e mobilizar toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos.

“O Maio Amarelo foi um sucesso, já se consolidou e merece atenção especial da sociedade. Foram dezenas de ações realizadas tanto na capital, quanto no interior do Estado, visando chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo. O balanço da campanha foi altamente positivo. O assunto é de interesse da população, que sabe da necessidade de sermos responsáveis no trânsito. Também foi extremamente a adesão de muito municípios no interior”, destacou Manoel Xavier.

O presidente do Detran-GO destacou como uma das principais iniciativas dos parceiros a distribuição do manual elaborado pela Igreja Católica, intitulado “Os Dez Mandamentos do Trânsito”, em todos os municípios da Região Metropolitana de Goiânia. “Considerei de forma positiva a agregação de várias igrejas nesse movimento. É de fundamental importância que a gente continue firme no propósito de levar a mensagem do Maio Amarelo à população durante todo o ano”, diz Manoel Xavier.

O presidente pontua ainda que continuarão sendo realizadas as ações visando a segurança em rodovias estaduais. “Dentro do nosso planejamento, estamos trabalhando em três vertentes: a inteligência – com identificação dos pontos críticos em que ocorrem mais acidentes nas rodovias –; a educação no trânsito – conscientizar a população sobre a responsabilidade de cada um no trânsito –; e a repressão – medidas punitivas quando necessárias.”

Campanha 

Presidente do Detran-GO, Manoel Xavier

O movimento Maio Amarelo ocorreu simultaneamente em trinta países. Em Goiás, diversos municípios realizaram uma série de atividades durante o mês de maio em apoio à campanha do Detran.

Em Rio Verde, a Agência Municipal de Trânsito e a empresa Campeão Supermercados, além de outros 80 apoiadores locais, realizaram o 10º Passeio Eco Ciclístico Campeão. O evento contou com a participação de 600 ciclistas. Foram distribuídas camisetas, panfletos educativos e laços amarelo. Na oportunidade a AMT destacou a importância de respeitar as normas de trânsito e de preservar o meio ambiente.

A Superintendência Municipal de Trânsito de Mineiros também promoveu no município ações voltadas para conscientização dentro da programação do Maio Amarelo. No dia 23, a SMT e seus parceiros promoveram uma encenação de acidente no centro da cidade. A atividade chamou atraiu olhares de curiosos. Aproveitando a aglomeração, foram feitas abordagens educativas e oferecidos serviços como aferição de pressão arterial.

Além do interior, em Goiânia foram realizadas várias atividades para alertar a sociedade goiana à mudança no trânsito. As ações mobilizaram famílias e uniram arte e educação com a missão de sensibilizar o público para a importância do respeito às leis de trânsito.

“Há a necessidade de que o poder público estadual, o governo de Goiás e os municípios façam a sua parte no sentido das intervenções viárias, da melhoria do fluxo no trânsito. Mas é preciso também que nós, cidadãos, mudemos o nosso comportamento. Nós somos responsáveis por um trânsito seguro”, ressalta Manoel Xavier.

Deixe um comentário