Polícia prende suposto estuprador em série na cidade de Morrinhos

André dos Reis é suspeito de cometer três estupros e tentado outros quatro. Ele era casado e praticava o crime no horário em que a esposa trabalhava

Segundo a polícia, ele se declara arrependido e praticava os crimes "tomado por uma vontade incontrolável" (Foto: divulgação / WhatsApp / Polícia Civil)

Segundo a polícia, ele se declara arrependido e praticava os crimes “tomado por uma vontade incontrolável” (Foto: divulgação / WhatsApp / Polícia Civil)

A Polícia Civil identificou e prendeu, na última quarta-feira (6/11), um suposto estuprador em série que atuava na cidade de Morrinhos, no Sul do Estado. André Cardoso de Oliveira dos Reis, de 21 anos, é suspeito de ter praticado três estupros e de outras quatro tentativas. O homem já havia sido identificado e estava sendo monitorado pelos policiais da cidade.

De acordo com informações da Polícia Civil, o homem abordava as vítimas em uma motocicleta tipo Biz, da marca Honda, e portando uma faca média de cozinha. Ele obrigava as vítimas a subirem no veículo e seguia até locais afastados para praticar o crime.

André dos Reis é casado e tem um filho. Os estupros sempre eram praticados no horário em que a esposa do suspeito estava no trabalho: das 19 horas até a meia noite – horário que buscava a mulher no emprego com a mesma moto. O suspeito trabalhava na zona rural de Morrinhos, como caseiro, e, de acordo com a polícia, era “acima de qualquer suspeita”.

André dos Reis utilizava luvas de cirurgia e sempre utilizava preservativos durante os atos. Quando concluía o abuso, o homem ainda recolhia todos os dejetos do local para descartar em um ponto distante. Os locais dos crimes, bem como os detalhes citados acima, conduziram as investigações até o nome do suspeito.

Prisão

Na quarta-feira (5/11), André dos Reis seguia uma menor, de 17 anos, em sua moto pelas ruas de Morrinhos. A vítima conseguiu fugir após a abordagem do suspeito e comunicou a Polícia Militar sobre o ocorrido. As características descritas por ela batiam com a do suposto estuprador em série. A polícia seguiu até a casa de André, onde encontraram peças de roupa e objetos que eram utilizados durante as ações.

Na delegacia, o homem confessou todos os crimes com riqueza de detalhes e, segundo a polícia, declara que estava arrependido, porém praticava os crimes “tomado por uma vontade incontrolável”.

O suspeito será autuado em flagrante por estrupo de forma tentada e responderá por outros três consumados.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.