Polícia prende homem que aplicou mais de 30 golpes contra idosos

Adelfânio Luiz se passava por vendedor de purificador de água para entrar na residência das vítimas e furtar dinheiro e cartões bancários

Adelfânio Luiz Noleto Silva foi preso acusado de aplicar mais de 30 golpes em idosos

Agentes da Delegacia Distrital de Polícia de Trindade (DPP-Trindade) cumpriu nessa segunda-feira (4/12) mandado de prisão preventiva contra Adelfânio Luiz Noleto Silva. Ele é investigado por mais de 30 crimes de furto e estelionato. Todas as vítimas eram idosos, a grande maioria com mais de 70 anos de idade.

Adelfânio se passava por empregado de empresa de purificador de água, visitava a residência das vítimas e subtraía dinheiro e cartões bancários.  O acusado induzia as vítimas a passarem a senha do cartão e a efetuarem transferências bancárias.

Além disso, o golpista vendia como novos os purificadores usados e fazia a cobrança como se estivesse a serviço da empresa.

Delegados da DP de Trindade perceberam a grande quantidade de registros de ocorrência sobre furtos envolvendo idosos e cogitaram que todos os crimes tivesses sido cometidos pela mesma pessoa já que o modus operandi era igual.

Após diversas investigações, a polícia concluiu que Adelfânio era o responsável pelos furtos e pelas fraudes, fato que foi comprovado com filmagens de agências bancárias.

 

 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.