Polícia Civil apreende esmeraldas e mais dinheiro em endereços ligados a João de Deus

Agentes realizaram três mandados de busca e apreensão em Abadiânia

Foto: Divulgação

O delegado-geral da Polícia Civil do Estado de Goiás, André Fernandes, deu detalhes sobre as buscas realizadas nesta sexta-feira, 21, em três endereços ligados ao médium João Teixeira, conhecido como João de Deus.

A Polícia Civil de Goiás realizou três mandados de busca e apreensão onde foram apreendidas pedras preciosas e uma grande quantidade de dinheiro.

“Realizamos hoje três buscas e apreensão em Abadiânia, onde localizamos dinheiro e pedras preciosas. Os objetos estavam dentro de uma mala. Localizamos também dentro de um fundo falso de um guarda-roupa, um cofre, que estava vazio”, disse o delegado Valdemir Branco.

O médium está preso desde o dia 16 de dezembro, no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, acusado de abusar sexualmente de mulheres durante atendimento espiritual. João nega todas as acusações.

O médium que já teve dois pedidos de habeas corpus negados deve ter mais uma solicitação apreciada, desta vez pelo presidente do Superior Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.