Plano de reabertura do comércio não contempla lojistas da Rua 44

Reunião desta quinta-feira, 28, discute retomada de grande parte das atividades econômicas em Goiânia. De acordo com prévia de vereador Wellington Peixoto, comércios podem reabrir, mas secretária de Saúde não vê possibilidade de retomar comércio na Região da 44 ainda

Comércio antes da pandemia de coronavírus | Foto: Reprodução

A reunião do Gabinete de Gestão de Crise de Goiânia com o Fórum Empresarial na manhã desta quinta-feira, 28, deverá resultar na reabertura de muitos segmentos de atividade econômica no município. Entretanto, a Região da 44 ainda não tem um aceno da Prefeitura sobre possível liberação.

O vereador Wellington Peixoto, que participa do debate junto com diversos secretários, vereadores e representantes do comércio, indústria e serviços falou ao Jornal Opção sobre o andamento das deliberações. Para ele, é positiva a postura da administração pública, uma vez que antes do encontro desta quarta-feira, 27, não era considerado nenhum tipo de flexibilização.

“Na segunda-feira a discussão era não liberar nada e agora já mudou mediante a apresentação dos protocolos que estão sendo seguidos por cada segmento”, comentou. “Comércio em geral pode ser aberto. A 44 ainda não, mas podem ser liberados camelódromos, shoppings, tudo será estudado ainda. Mas foi deixado bem claro que a 44 ainda não”, informou.

“Ela [secretária de Saúde] já falou que a 44 é mais complexo de liberar agora. Ou seja, vai se fazer um estudo. Nessa semana já sai quais segmentos serão liberados. Ainda tem a data importante que é o Dia dos Namorados. A 44 ficou para um segundo momento”, falou. Ele ainda lembrou que já na próxima segunda-feira, 1, os clubes de futebol podem retomar os treinamentos. Também as imobiliárias e os mercados municipais ficam autorizados a abrir as portas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.