PF prende ativista Sara Winter, do movimento “300 do Brasil”, em Brasília

Ativista é investigada no inquérito das fake news e teve mandado de prisão autorizado pelo ministro Alexandre de Moraes, do STF

A Polícia Federal prendeu, na manhã desta segunda-feira, 15, a ativista do movimento 300 do Brasil, Sara Winter, em Brasília. A ativista é investigada no inquérito das fake news.

Conforme mostrado pelo jornal Folha de S. Paulo, anteriormente, a ativista havia publicado um vídeo falando sobre sua vontade de trocar socos com o ministro Alexandre de Moraes – relator do inquérito – e também prometendo infernizar sua vida. O mandado de prisão de Winter foi autorizado pelo próprio ministro.

Vale lembrar que a ativista compõe o grupo chamado “os 300 do Brasil”. O grupo reúne manifestantes de extrema direita que encontravam-se acampados em Brasília e que, graças a um decreto assinado pelo governador do DF, foram impedidos de manifestar na esplanada dos ministérios no último domingo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.