PF realiza buscas nas casas de Collor e Ciro Nogueira

Ações fazem parte de nova etapa da Operação Lava-Jato. 53 mandados estão sendo cumpridos em seis estados e no Distrito Federal

Senadores Fernando Collor (PTB) e Ciro Nogueira (PP) | Fotos: Waldemir Barros / Agência Senado e divulgação PP

Senadores Fernando Collor (PTB) e Ciro Nogueira (PP) | Fotos: Waldemir Barros / Agência Senado e divulgação PP

A Polícia Federal (PF) cumpre na manhã desta terça-feira (14/7) mais uma etapa da Operação Lava-Jato. Entre as ações desenvolvidas está o cumprimento de mandados de busca e apreensão na casa do senador e ex-presidente da República Fernando Collor (PTB-AL) e do senador piauiense e presidente do PP, Ciro Nogueira, ambos suspeitos de participarem do esquema de corrupção conhecido como “Petrolão”.

O doleiro Alberto Youssef e o dono da empreiteira UTC, Ricardo Pessoa, afirmaram haver envolvimento de Collor no esquema. O ex-diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, citou Ciro em depoimentos de delação premiada.

Além do petebista e do pepista, o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) também é alvo das investigações. Estão sendo realizadas buscas também nos endereços funcionais, escritórios e empresas vinculadas aos políticos, inclusive na TV Gazeta, filial da Rede Globo que pertence à família do Collor.

Essa etapa da Lava-Jato está sendo feita em conjunto com o Ministério Público Federal (MPF) e foi nomeada de Operação Politeia. Serão cumpridos 53 mandados de busca e apreensão expedidos pelo Supremo Tribunal Federal (STF) referentes a seis processos instaurados a partir de provas obtidas pela operação da PF. Os mandados estão sendo cumpridos no Distrito Federal, Bahia, Pernambuco, Alagoas, Santa Catarina, Rio de Janeiro e São Paulo.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.