Pesquisa mostra que mais de 50% dos goianienses aprovam gestão Temer

Instituto Paraná ouviu eleitores de Goiânia em maio deste ano e rejeição ao presidente interino chega a 41%

Presidente Michel Temer e o ministro Meirelles: aprovado em Goiânia | Foto Lula Marques/Agência PT

Presidente Michel Temer e o ministro Meirelles: aprovados em Goiânia | Foto Lula Marques/Agência PT

O Instituto Paraná Pesquisas questionou eleitores de Goiânia sobre a gestão do presidente interino Michel Temer (PMDB) até agora. 51,4% dos entrevistados fizeram avaliação positiva do governo temporário.

Segundo a pesquisa, realizada no mês de maio em toda a capital goiana, 41,2% desaprovam a administração do peemedebista. Quer dizer, quatro em cada dez moradores da capital não estão satisfeitos.

Em uma cidade que amplamente apoiou o impeachment da presidente eleita Dilma Rousseff (PT) — manifestações chegaram a reunir 50 mil pessoas –, uma reprovação tão alta pode ser vista como um alerta para o comandante atual do Planalto.

Vale lembrar que, em 2014, Dilma teve apenas 32,4% dos votos de Goiânia; o candidato oposicionista, Aécio Neves — do PSDB, que compõe o governo Temer — venceu com ampla vantagem: 67,5% dos votos.

No entanto, é importante destacar que a rejeição de Temer nem se compara a de Dilma que, antes de sair, superava os 70% de insatisfação. Ademais, ter aprovação de mais da metade da população é um fato relevante em se tratando do atual momento econômico do País.

Os que não souberam ou não quiseram responder à pesquisa são 7,4% e a margem estimada de erro é de 4%. Para a realização da pesquisa foi utilizada uma amostra de 650 eleitores, maiores de 16 anos, de todas as regiões de Goiânia. De acordo com a Resolução-TSE nº. 23.453/2015, a pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o nº GO-01495/2016.

 

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.