PDT pode assumir Agehab e PSB, Codego, na reforma do secretariado de Zé Eliton

Vice-governador abriu diálogo com partidos da base para reformulação do governo já em janeiro 

Flávia Morais e Lúcia Vânia: troca no comando de pastas | Fotos: reprodução/ Moreira Mariz

O vice-governador de Goiás, Zé Eliton (PSDB), abriu diálogo com os partidos da base aliada para formatar a nova composição da administração estadual durante seus nove meses no Palácio das Esmeraldas.

Apesar de só assumir efetivamente o comando do Estado em abril de 2018, a reforma administrativa que comandará ao lado do governador Marconi Perillo (PSDB) está marcada para o final de janeiro.

As primeiras especulações dão conta de que a senadora Lúcia Vânia (PSB), caso consiga costurar aliança na chapa majoritária, deve indicar o nome para comandar a Companhia de Desenvolvimento do Estado de Goiás (Codego).

Já o PDT da deputada federal Flávia Morais pode ficar com a Agência Goiana de Habitação (Agehab), hoje comandada por Luiz Stival (PPS), que é pré-candidato a deputado estadual e foi indicado ao cargo pela senadora.

O PTB do deputado federal Jovair Arantes pode manter a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Científico e Tecnológico e de Agricultura, Pecuária e Irrigação do Estado de Goiás (SED). Há ainda a possibilidade de que ele indique o novo titular da Secretaria Cidadã.

Na Secretaria de Governo (Segov), é provável que seja indicado o ex-prefeito de Catalão, Jardel Sebba — considerado aliado de primeira hora do governador Marconi Perillo, é um dos maiores entusiastas da pré-campanha de Eliton ao governo.

Há ainda uma articulação para que Sebba ocupe a Secretaria de Saúde, atualmente comandada pelo médico Leonardo Vilela — que será indicado para uma vaga como conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM).

Zé Eliton tem mantido diálogo permanente com os partidos aliados ao governo na tentativa de repetir a coligação que vence as eleições em Goiás desde 1998.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.