Passarinhos do Cerrado é destaque na programação musical do Fica 2015. Confira

Festival conta com 28 shows de artistas goianos, além de cinco mostras e lançamento de três produções nacionais. Evento acontece entre os dias 11 e 16 de agosto

A banda Passarinhos do Cerrado é uma das atrações | Foto: Divulgação

A banda Passarinhos do Cerrado é uma das atrações | Foto: Divulgação

A Secretaria de Educação, Cultura e Esporte (Seduce) do Estado de Goiás anunciou na manhã desta quinta-feira (23/7) a programação completa da 17ª edição do Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica). O evento, que acontece entre os dias 11 e 16 de agosto, conta 28 shows de artistas goianos, além de cinco mostras de filmes, convidados de renome nas áreas de cinema e meio-ambiente e uma novidade: o lançamento de três filmes nacionais.

O filme “Cartas de Amor são Ridículas”, da diretora Alvarina Souza Silva, será lançado na quarta-feira, dia 12; na quinta, é a vez do documentário “Araguaia”, com direção de Dagmar; e no sábado, dia 15, Renato Barbieri estreia seu “Cora Coralina — Todas as Vidas”.

Com programação completamente gratuita, as mostras Competitiva, ABD Cine Goiás, Fica Animado, Paralela e a em parceria com a Universidade Estadual de Goiás (UEG) acontecerão no “Cinemão”, que será montado na unidade da Universidade Federal de Goiás (UFG) na Cidade de Goiás. O local também será sede dos cursos e do Fórum de Cinema.

Algumas das participações em encontros e debates serão a atriz Camila Morgado, o cineasta e jornalista Arnaldo Jabor, a psicanalista e jornalista Maria Rita Kehl, o antropólogo Vicente Carelli, o cineasta e presidente da Ancine Manoel Rangel, o diretor da SPcine Alfredo Manevy, a atriz e apresentadora Mônica Iozzi, e o cineasta Walter Carvalho. O festival também tem como convidado especial o cineasta português José Vieira Mendes, da Green Film Network.

Serão realizadas também cinco mesas de debates com temas como água, conservação dos recursos naturais e mudanças climáticas. Especialistas nas áreas participarão dos debates, como Jean Ometto, coordenador do Centro de Ciências do Sistema Terrestre do Sistema Terrestre (CCST/Inpe); Suzana Dias, coordenadora da sub-rede Comunicação e Cultura Científica da Rede Clima; o químico industrial e presidente do Instituto Trata Brasil, Édison Carlos; o doutor em Ciências Ambientais da UFG, Maximiliano Bayer; o atual secretário de Ciência e Tecnologia do Distrito Federal, Paulo Salles; e o cineasta Silvio Tendler, diretor dos documentários “O Veneno está na Mesa” I e II.

Este ano, das 21 produções selecionadas para a Mostra Competitiva, 12 são nacionais, sendo sete são goianas. O festival recebeu 327 inscrições de filmes, sendo 111 internacionais, 200 nacionais — sendo 55 goianos — e 16 coproduções entre Brasil e outros países. Dos selecionados, cinco são longas metragem, três são médias e 13 são curtas. As produções representam seis estados brasileiros — Goiás, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Pernambuco, São Paulo e Espírito Santo — e o Distrito Federal, além de sete outros países — Venezuela, Suiça, França, Espanha, Reino Unido, Portugal e Índia.

Homenagem

Retomando a tradição de homenagear artistas goianos, a 17ª edição do Fica homenageia o Frei Nazareno Confaloni, pintor muralista falecido em 1977 em Goiânia. Confaloni pintou 15 afrescos na Igreja do Rosário, na Cidade de Goiás, idealizou a Escola Goiana de Belas Artes, onde lecionou pintura e desenho, e foi um dos fundadores da faculdade de Arquitetura da Universidade Católica de Goiás (UCG), atual PUC Goiás.

Confira a programação musical completa

11/8
19h: Abertura Oficial com a Orquestra Jovem e o convidado Marcelo Barra — Palácio Conde dos Arcos

12/8
20h: Sônia e Thiago — Palácio Conde dos Arcos
20h40: Ronaldo Oliveira — Palácio Conde dos Arcos
21h20: Victor Batista Trio — Palácio Conde dos Arcos
22h: Passarinhos do Cerrado — Palácio Conde dos Arcos

13/8
20h15: Julio Lemos — Sacada do Palácio Conde dos Arcos
21h: Bruno Rejan Quinteto — Palácio Conde dos Arcos
21h40: Makimatrio — Palácio Conde dos Arcos
22h20: Vida Seca — Praça de Eventos Beira Rio
23h: Terrorista da Palavra — Praça de Eventos Beira Rio
23h40: Grupo Cega Machado — Praça de Eventos Beira Rio
00h20: Flor D’Já — Praça de Eventos Beira Rio

14/8
18h30: Enchendo o Sax — Sacada do Palácio Conde dos Arcos
20h15: Granfieira – Orquestra de Música Brasileira — Sacada do Palácio Conde dos Arcos
21h: Diones Correntino Quarteto – Som Mestiço — Palácio Conde dos Arcos
21h40: Claudia Vieira — Palácio Conde dos Arcos
22h20: Juraildes da Cruz — Palácio Conde dos Arcos
23h: Bel Maia — Praça de Eventos Beira Rio
23h40: Fé Menina — Praça de Eventos Beira Rio
0h20: Bebel Roriz e Banda — Praça de Eventos Beira Rio

15/8
18h30: Grupo Cultural Boca do Lixo — Cortejo Saída da Praça do Chafariz
20h15: Charanga Jazz — Sacada Conde dos Arcos
21h: Chico AAFA — Palácio Conde dos Arcos
21h40: Nonato Mendes – Motivos — Palácio Conde dos Arcos
22h20: Fernando Perillo e Banda Kalunga — Palácio Conde dos Arcos
23h: Mano CDJ — Praça de Eventos Beira Rio
23h40: Cherry Devil — Praça de Eventos Beira Rio
0h20: Mechanics — Praça de Eventos Beira Rio
01h: Bella Utopia — Praça de Eventos Beira Rio

16/8
20h30: Orquestra Filarmônica de Goiás — Praça do Chafariz

2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Hallison Fillipe Ferreira

Era uma programação que tinha até artistas internacionais
, agora só artistas locais sendo que o meu imposto só aumenta e a verba para a minha qualidade de vida só cai, para ficar claro nada contra os artistas locais sou fã.

Sérgio Taia

Aí em cima do palco ficam babando ovo e puxando saco dos governantes como o Juquinha faz bem. Pelo amor de Deus! Chega disso em Goiás. Eventos “culturais” para justificar a destinação de verbas públicas em eventos vergonhosos de péssima qualidade e estrutura. Acorda governantes e puxa sacos de políticos. O povo está acordando!