Parque da Chapada dos Veadeiros volta a ser fechado após novo incêndio

Menos de um semana, após parque ser reaberto, fogo às margens da GO-118 atinge os dois lados da rodovia. Há suspeita de intenção criminosa

Alguns dias após reabertura do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, a unidade voltou a ser fechada nesta quinta-feira (19/10) por conta de mais focos de incêndio. O fogo começou às margens da GO 118 (uma parte da BR 010) em ambos os lados da rodovia, na região do Passo Alto.

A suspeita é de que o fogo tenha intenção criminosa pois foi provocado depois da região dos aceiros, que funciona como uma barreira para diminuir a intensidade do incêndio. Ainformação é do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio)

Aproximadamente 60 profissionais estão em campo no combate ao incêndio. Além dos brigadistas do próprio parque e do IBAMA Prevfogo, a unidade de conservação conta também com apoio aéreo de duas aeronaves em lançamentos de jatos de água e voos de reconhecimento e avaliação.

A Coordenação de Combate e Prevenção a Incêndios (COIN) já providenciou o deslocamento de dez brigadistas vindos do Grupo Ambiental do Torto (GAT). O Parque também conta com o apoio da própria comunidade que, sob a orientação da brigada do ICMBio, tem auxiliado no combate aos incêndios.

Por motivo de precaução, o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros reabrirá apenas depois que o fogo esteja sob controle e não ofereça risco aos visitantes.

Resposta

Uma reunião de emergência foi coordenada pela Secima, juntamente Ibama, ICMBio, Prefeitura de Alto Paraíso e Corpo de Bombeiros, para tratar do alto número de focos de incêndio que atingem a região do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros.

O objetivo é buscar soluções e traçar estratégias integradas de ação que coíbam ações criminosas de promoção de incêndios em unidades de conservação. Equanto representantes das entidades envolvidas com a gestão ambiental na região buscam alternativas para melhor controle do fogo, mais de cem brigadistas combatem as chamas dentro do parque.

A região de Alto Paraíso tem importância estratégica para Goiás. Além de representar uma das áreas de Cerrado mais protegidas de Goiás, é neste município que o governo estadual, em parceria com a ONU, desenvolve o Projeto do Bem Viver, onde estão sendo implantados os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), uma plataforma interinstitucional de ações coordenadas que alia a preservação ambiental com o crescimento econômico e a justiça social.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.