Paraná Pesquisas: 87,4% dos internautas são contra financiamento público de campanha

Fundo de R$ 3,6 bilhões aprovado na comissão da reforma política tem apoio de apenas 8,9% dos entrevistados 

A comissão da reforma política aprovou, nesta semana, a criação de um fundo constitucional que receberá 0,5% da Receita Corrente Líquida (RCL) da União para financiar campanhas eleitorais. Algo em torno de R$ 3,6 bilhões, se hoje estivesse em vigor.

Intitulada de Fundo Especial de Financiamento da Democracia (FFD), a proposta não agradou em nada a população. É o que sugere uma pesquisa realizada com internautas pelo Paraná Pesquisas.

De acordo com o instituto, dos 2.802 brasileiros ouvidos em todas as regiões do Brasil, apenas 8,9% se posicionou favorável financiamento público. Por outro lado, 87,4% disseram ser contra.

Veja abaixo:

“O senhor (a) é a favor ou contra o financiamento público para campanha eleitoral?”

Contra – 87,4%
A favor – 8,9%
Não sabe/ não opinou – 3,7%

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.