Pagamento da data-base dos servidores do Estado segue sem definição

Secretária da Fazenda disse que negociação deve ser feita entre as categorias e suas respectivas pastas

Deputada Adriana Accorsi questionou a indefinição quanto ao pagamento da data-base | Fotos: Fernando Leite / Y. Maeda

Deputada Adriana Accorsi questionou a indefinição quanto ao pagamento da data-base | Fotos: Fernando Leite / Y. Maeda

Durante sessão no plenário da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), a deputada Adriana Accorsi (PT) comentou sobre o pagamento da data-base dos servidores estaduais. De acordo com a petista, em conversa com a presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT) em Goiás, Bia de Lima, a secretária da Fazenda, Ana Carla Abrão, teria dito que não há perspectiva para pagamento do direito ao funcionalismo neste ano.

Uma reunião entre a secretária e diversos sindicatos foi realizada na manhã desta terça-feira (5/5). A assessoria de Ana Carla assegurou ao Jornal Opção Online que a secretária disse na ocasião que a discussão sobre a data-base seria feita entre as categorias com suas respectivas pastas — e não que ela teria negado o pagamento.

A data-base dos servidores estaduais geralmente é paga em maio. O projeto 930/2015, cujo relator é o deputado Jean (PHS), prevê mudança da data para agosto. Há duas semanas, o líder do governo na Casa, José Vitti (PSDB), disse que havia possibilidade do direito ser pago depois de agosto, e de forma parcelada.

Na reunião, a secretária Ana Carla Abrão também esclareceu que o pagamento parcelado dos salários irá continuar até o fim do ano. Os sindicatos, entretanto, reivindicam o pagamento integral no mês trabalhado — conforme garantiu o Sintego e o SindiSaúde.

A secretária de Finanças do SindiSaúde, Fátima Veloso, disse ao Jornal Opção Online que além do pagamento integral, a categoria ainda pede uma maior discussão a respeito da data-base. “Se estão parcelando o salário não vão pagar a data-base nunca! Queremos abrir discussão sobre isso”, pontuou.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

IRACI DE SOUSA MARQUES

A data base a partir de agosto, gera prejuízo para os servidores da Educação, uma vez que as férias da categoria acontece no mês de Julho gerando prejuízo no terço de férias